Aquela jaqueta para amar e não tirar do corpo: Jacket Bomber

blog-entrada

Durante a Primeira Guerra Mundial, as cabines dos pilotos de aviões não eram fechadas e, por causa do frio, os oficiais precisavam de uma roupa bem vedada para manter o calor. Foi assim que nasceram os modelos de casacos com elásticos na barra e nos punhos.

Inspiradas nessas jaquetas, as jaquetas bomber não saem do look das mulheres.

Fugindo da origem, as versões encontradas nos dias de hoje podem ser feitas com vários tecidos e combinadas com várias estampas. Vem ver:

 

Jaqueta bomber de veludo

Se é muito estilo e glamour que você quer, encontrou a sua opção! O tecido, que tem a cara do inverno, é a opção chique e sempre elegante para deixar a sua jaqueta ainda mais arrasadora.

04- blog

Jaqueta bomber com estampa floral

Quando o assunto é estampa, a floral não pode deixar de aparecer! A print é clássica, fica bem em qualquer peça e não poderia deixar de marcar presença nas bomber jackets!

A estampa floral é ideal para deixar a jaqueta com aquela cara feminina que a gente tanto ama.

02- blog

Jaqueta bomber com estampa geométrica

A print que vai bombar nas próximas temporadas também não vai ficar de fora da peça queridinha do momento. A estampa geométrica tem o poder de deixar a jaqueta bomber supermoderna.

03- blog

Jaqueta bomber com lettering 

Nossas roupas dizem muito sobre a nossa personalidade, e isso só aumenta quando elas ainda trazem letterings (frases estampadas)! E se você não tem medo de se revelar, se joga nessa trend!

Nas jaquetas bomber, as frases ficam super cool com aquele ar moderno e alternativo. Como não amar?

05- blog

Jaqueta bomber com patches

Duas trends que a gente ama combinadas em uma só: como não pirar quando a jaqueta bomber aparece assim, cheinha de patches?

Os patches deixam a peça muito mais divertida e descolada, ideal para usar e abusar no dia a dia!

01- blog

O poder do colete como terceira peça

blog-entrada

Se você quer deixar o look basiquinho muito mais estiloso, mas não sabe em quais modelos de colete apostar, dá uma olhada nessas dicas!

Colete de alfaiataria:

Para uma produção arrumadinha e moderna a dica é se jogar no colete de alfaiataria. Com a cara mais séria, ele pode ser a “cereja do bolo” da combinação!

blog-01

Colete de pelos:

O inverno ainda não chegou, mas a gente já tá morrendo de vontade de se jogar nas peças com cara quentinha! Se você também é desse time, uma boa escolha é o colete de pelos, que não tem mangas e pode ser usado tranquilamente na meia temporada.

Ele é a aposta certeira para tirar o look da mesmice e ter aquela combinação mais glam!

blog-02

Colete jeans:

Quando o que você quer é uma pegada mais despojada e rocker, a escolha perfeita é o colete jeans! Ele foi a febre dos anos 80 e é conhecido por ser o curinga da produção, já que é mega versátil.

blog-04

Colete de couro fake:

Esta é aquela peça que nenhuma mulher pode deixar de ter! O colete de couro fake é perfeito para montar looks para o dia a dia e fica lindo quando combinado com o jeans.

blog-03

Camurça: look chic!

capa2

Assim como o couro, a camurça vai fazer parte dos seus looks de inverno!

Ele é a cara da estação e vai bombar ainda mais em tons terrosos, que são superelegantes, transformando instantaneamente o look básico em chic.

Pra divar no estilo casual e despojado, vale apostar no croppeD liso ou estampado. A composição vai te levar do trabalho ao happy hour sem stress.

camurça

Fique de olhos nos looks que separamos para incorporar a textura ao seu closet:

O que antes era visto apenas em acessórios, sapatos ou bolsas, agora virou presença certa em diversas peças do seu guarda-roupa. Saias, jaquetas e casacos formam looks incríveis com o material. É inegável: ele tem o poder de baphonizar qualquer produção em segundos. ♥

camurça

E tem mais notícia boa: aquela pegada boho, sempre relacionada com o suede, pode ficar dentro ou fora da produção nesta temporada.

camurça

A camurça está vivendo seus dias de glória e aparece em looks inteiros, em aplicações localizadas ou mesmo em acessórios. É trendy até dizer chega! 🙂

suede suede suede

Tendência de Inverno: On The Road

Os estilos boho e hippie chic da coleção passada continuarão marcando presença nos looks da próxima estação. Desta vez, eles aparecem com uma cara nova, inspirados no espírito viajante e na vida aventureira das estradas.

O estilo chamado “On The Road” (“Nas estradas”) aparece na coleção Inverno 2016 da Vínculo Basic com referências culturais diversas, dentre as quais o étnico e o estilo musical americano “Folk” ganham destaque especial. A elaboração dos looks sofre forte influência das culturas orientais, com peças inspiradas na tapeçaria antiga e também no folclore dos povos peruanos e africanos, com um visual bastante exótico, despojado e cheio de atitude.

4

As queridinhas estampas étnicas aparecem repaginadas, ganhando novos elementos e texturas inusitadas. Os motivos tribais, árabes e até elementos da cultura chinesa são destaque dessa tendência. Seus desenhos com tramas entrelaçadas lembram a tapeçaria antiga e os cobertores de patchwork, conferindo um visual “quentinho” e descontraído aos looks. Outro ponto forte deste estilo é o mix de materiais e diferentes texturas, como penugens, tecidos lisos e suede em um mesmo look.

1

As modelagens inspiradas por esse tema prezam o conforto e a praticidade, mas sem deixar a elegância de lado. Suas peças-chave, como vestidos curtos de manga longa e a capa poncho, trazem consigo muitas cores, franjas e aplicações. As peças aparecem com tecidos ligeiramente amarrotados e descontraídos, mas dão lugar também para novas tramas e texturas mais invernais, como o couro e a camurça.

5

Para divulgar os produtos que seguem esse tema, aposte na funcionalidade dos looks, ideais para um passeio durante o dia ou para uma produção mais elaborada durante a noite. É legal sugerir acessórios como cintos e bolsas de franjas ou com aplique de metal rústico para compor o look. Sem esquecer das bijouterias boho, que não podem faltar para dar o toque final. Na hora das vendas, eles valorizam as peças e ajudam a conquistar os clientes.

6

A saia bandagem e o salto meia pata são as peças-chave para compor um look mais elaborado com as blusas Vínculo Basic.

7

A Vínculo Basic está cheia de novidades quentinhas esperando por você! Clique aqui para conferir o nosso lookbook completo.

 

 

 

Férias coletivas: atenção aos aspectos legais!

ferias_siteNormalmente concedidas em momentos de menor demanda, as férias coletivas permitem conservar os empregos de toda a sua equipe, além de cumprir com a obrigação legal de conceder férias anualmente aos seus funcionários. Embora a concessão de férias coletivas já seja uma prática comum em diversos setores,é preciso atenção ao seu planejamento! Por isso, certifique-se de que há em caixa uma reserva suficiente para pagar todos os encargos no momento da concessão das férias. Lembre-se que a remuneração de férias é calculada com base no salário dos funcionários, na duração das férias e na média dos adicionais (horas extras, comissões, etc.), somados ao adicional de 1/3, conforme a nossa Constituição.

Considere se vale a pena oferecer férias coletivas a toda a empresa ou apenas para os funcionários de um setor específico. Esteja ciente de que é seu o direito de determinar as datas de início e término das férias coletivas, bem como se elas serão gozadas de uma só vez (30 dias) ou em dois períodos distintos (de no mínimo 10 dias). Preste atenção especial aos funcionários menores de 18  e maiores de 50 anos: eles tem direito ao gozo integral das férias, isto é, tirar os 30 dias de uma só vez. Aos funcionários com menos de um ano de contratação – e que, portanto, não completaram o período aquisitivo – podem ser concedidas férias proporcionais ao tempo trabalhado, dando início assim a um novo período aquisitivo.

O procedimento legal para a liberação das férias coletivas não é tão complicado, mas requer tempo. Por isso é aconselhável dar entrada na papelada com no mínimo 15 dias de antecedência às férias. Primeiramente deve-se comunicar o órgão local do Ministério do Trabalho (DRT) sobre a concessão das férias coletivas. Em seguida, é necessário notificar o sindicato da categoria e, é claro, avisar aos funcionários, por meio de avisos afixados na empresa. Qualquer irregularidade pode sair cara: além da multa de R$170,26 por funcionário em situação irregular, corre-se ainda o risco de ter que pagar novas férias. O melhor caminho, então, é começar a planejar com antecedência!